5 de ago de 2010

Devanear

E quando o corpo reage por conta própria, interrompe as horas esperando cuidados e reflexões num processo de alarmar a consciência?

Pois sempre é tempo de esquecer as necessidades básicas de sobrevivência, mergulhar em nossas profundezas e voltar num fim de tarde mais humano e em carne viva.